Pissarro : pilar do impressionismo


A natureza é tema da exposição de Pissarro no Museu do Luxemburgo

Exposição “Pissarro à Éragny : La nature retrouvée” (Pissaro em Éragny : reencontro com a natureza)

Até 9 de julho de 2017, no Museu do Luxemburgo.

Neste último domingo, quem me acompanhou pelo Stories do Instagram @beminparis pôde ver parte da exposição Pissarro no Museu do Luxemburgo e de quebra, fazer um passeio guiado comigo entre o Jardim de Luxemburgo e Odeon, onde mostrei dois dos meus cafés/restaurantes preferidos  no Carrefour de l’Odeon : o Hibou, mais moderninho e o Les Editeurs, tradicional.

Camille Pissarro é uma das maiores figuras da pintura impressionista, por sinal,  amigo prόximo de Claude Monet. Antes de chegar na França, em 1855, Pissarro viveu na Antilhas, na Ilha de São Tomas, na época, sob domίnio dinamarquês e com a ajuda do amigo Monet, se instala em Éragny, a uma hora de Paris.

Na França, o artista se apaixona rapidamente pela pintura ao ar livre e se inspira das obras de Corot ou Daubigny. Muito engajado no grupo dos impressionistas, ele será o único a participar das várias exposições do movimento impressionista.

Esta é a primeira exposição monográfica de Camille Pissarro organizada em Paris depois de quarenta anos. A exposição reune uma centena de quadros, desenhos e gravuras, espetaculares e desconhecidos do grande público, pertencentes a colecionadores privados do mundo inteiro. O acervo ilustra o perίodo menos estudado da obra de Pissarro.

A exposição no Luxemburgo se concentra sobre obras realizadas durante os últimos vinte anos de vida do artista em Éragny, nas quais Pissarro retrata a vida e o trabalho no campo, paisagens campestres, fazendas, pomares, pastos e cenas da vida em famίlia.  O vilarejo de Éragny à noroeste de Paris é banhado pelo rio Epte, afluente do rio Sena, o mesmo rio que irriga os jardins de Monet, em Giverny. A exposição é sublime ! Gostei tanto que fiz o circuito da visita duas vezes, um verdadeiro deleite para o olhos e o coração. Imperdίvel para apreciadores da pintura impressionista.

A pintura de Pissarro retrata o trabalho feminino na fazenda

A vida no campo nos arredores de Paris foi retratada por Pissarro

A pintura de Pissarro retrata a vida de trabalho no campo

Primeiro museu francês aberto ao público, o Museu do Luxemburgo foi inaugurado em 1750. Admistrado pelo Senado, que também fica no Jardim de Luxemburgo, o museu é aberto unicamente para exposições temporárias.

Vejam as cores do Jardim de Luxemburgo na primavera.

A beleza do Jardim de Luxemburgo na Primavera

A sede do Senado francês que fica no Jardim de Luxemburgo em Paris

Concertos ao ar livre acontecem no Jardim de Luxemburgo em Paris

A temporada de música clássica no Luxemburgo começa na primavera e vai até o verão

Além do interesse histόrico e paisagίstico, o jardim do Luxemburgo é um lugar ideal de passeio com crianças.

O pintor Camille Pissarro era um grande amigo de Monet

Camille Pissarro (1830 – 1903)

Pissarro é também celebrado no Museu Marmottan-Monet, até o dia 02 e julho de 2017, na exposição Camille Pissarro, Les premier des impressionistes, que retraça a carreira do artista através de obras excepcionais do artista. Tem um post sobre o Musée Marmottan-Monet nesse link.

Minha relação com a França começou com a descoberta da pintura impressionista. Conto para vocês neste post sobre o Museu d’Orsay.

Voilà! espero que estejam curtindo nossos passeios on-line. J’adooore!

 

COMPARTILHAR

POSTS RELACIONADOS

exposicao-Louboutin
Exposição em Paris celebra Christian Louboutin

Uma exposição excepcional em Paris celebra Louboutin! 55 anos, 28 anos de criações marcantes em seu próprio nome, o designer de sapatos Christian Louboutin é famoso em todo o mundo por seus desejados sapatos de solado vermelho. Expressão de uma época, de uma cultura, de uma identidade, a moda tem ganhado cada vez mais espaço…

LER MAIS
Impressionismo e a moda
10 exposições imperdíveis em Paris

10 exposições imperdíveis em Paris haja critério para selecioná-las, pois a vontade é de listar todas, mas a lista é numerosa. Paris tem uma oferta cultural vasta e além da visita das coleções permanentes, seus principais museus organizam exposições temporárias com temas específicos. Como Guia Cultural em Paris, estou sempre visitando essas exposições para complementar…

LER MAIS
Cores do outono em Paris
Outono no Jardim de Luxemburgo

Outono no Jardim de Luxemburgo! (suspiros rsrs) O outono é uma das estações mais encantadoras do ano em Paris. Considerada uma das cidades mais românticas do mundo Paris fica ainda mais inspiradora no outono. Uma das vantagens de viver na Europa é poder desfrutar dos diferentes aspectos que envolvem as estações do ano, suas cores,…

LER MAIS
Exposição Tutancâmon em Paris
Tesouro de Tutancâmon, a exposição do ano em Paris

Tutancâmon é um dos últimos reis da 18a dinastia do Egito. Por ter tido um reinado relativamente curto e uma contribuição modesta para Império Egípcio, sua trajetória tem destaque central na arqueologia moderna. Poucos detalhes de sua vida são conhecidos. Tutancâmon é filho  de Aquenáton (anteriormente Amenhotep IV) , um faraó considerado herege tendo introduzido uma…

LER MAIS

COMENTÁRIOS

instagram | @beminparis

This error message is only visible to WordPress admins

Error: API requests are being delayed for this account. New posts will not be retrieved.

There may be an issue with the Instagram Access Token that you are using. Your server might also be unable to connect to Instagram at this time.

Error: No posts found.

Make sure this account has posts available on instagram.com.