Olga Picasso : primeira esposa e musa inspiradora de Picasso


Poucos artistas do século XX podem rivalizar com Picasso pela quantidade de obras produzidas. Além de ter sido um artista incansável, perseverante e curioso, tal fato também pode ser explicado pela longevidade do artista, que chegou aos noventa e um anos.

Pablo Picasso (1881-1973)

Pablo Picasso (1881-1973)

Parte importante da obra de Picasso é marcada pela presença de mulheres, suas companheiras, esposas e musas. Sedutor inveterado, Picasso alimentou a fama de Don Juan e dividiu sua vida com sete mulheres, casando-se com duas delas, a francesa Jacqueline Roque, sua segunda e última esposa e a ucraniana Olga Khokhlova, com quem se casou pela primeira vez.

Olga Khokhlova,  é tema de uma exposição inédita no Museu Picasso em Paris.

Nascida em 1891 na cidade ucraniana de Nijyn, ainda sob o Império Russo, Olga Khokhlova integra em 1912 a prestigiada companhia de ballet russa dirigida por Serge Diaghilev. Olga conhece Picasso em Roma, em 1917, quando o artista foi convidado por Jean Cocteau para realizar décor e figurinos para o ballet Parade. Eles se casam em 1918 em Paris e Olga, então Olga Picasso, passa a ser a modelo preferida do artista.

Em muitas obras, Olga é retratada por Picasso com traços de melancolia, que traduz o difίcil contexto enfrentado pela famίlia de Olga na Rússia, em plena revolução.

O nascimento de Paul, em 1921, único filho do casal, dá uma outra dimensão à figura de Olga. Ela inspira Picasso na personificação da figura materna em composições que evocam uma doçura inédita na obra do artista. As obras expressam a serenidade e a cumplicidade de uma famίlia realizada e feliz. Felicidade esta que não durará por muito tempo. Pablo Picasso se envolve com a jovem francesa Marie-Thérèse Walter e o casal se separa em 1935.

O filho de Picasso e Olga,  Paul Picasso é retratado em diversas obras do artista.

A mais famosa delas, Paulo, vestido como arlequim, pintada em 1925, quando o filho tinha três anos.

Paulo vestido como Arlequim, Pablo Picasso

A mostra reune mais de 350 obras, pinturas, fotografias e desenhos que retratam a vida do casal, fazendo uma ligação entre o trabalho do artista e seu casamento com Olga.

Mostrei essa exposição no Snapchat e Stories #beminparis e alguém me perguntou por que tantas obras de Picasso em Paris ? essa pergunta pode ser esclarecida no post sobre o Museu Picasso em Paris.

Bonne lecture #boaleitura

Exposição Olga Picasso

Até o dia 3 de setembro de 2017.

O Museu Picasso fica no Marais – 5 rue de Thorigny Hôtel Salé – 75003 – Paris
Metrô : Chemin Vert (8), Saint-Paul (1)

Aberto todos os dias, das 10h30 às 18h (das 9h30 às 18h00 aos fins de semana)

Fechado às segundas-feiras, 1° de janeiro, 1° de maio, 25 de dezembro)

 

DESCOBRINDO OS BASTIDORES DO MARAIS COM UM GUIA PROFISSIONAL

O Marais é um dos bairros onde a BEM in Paris organiza passeios guiados a pé, explorando temas como arquitetura, histόria do Marais e de seus personagens histόricos, além daqueles endereços para compras diferenciadas e pontas-de-estoque bacanas e endereços gourmets que seleciono a dedo para os passeios guiados. Quer descobrir os bastidores do Marais com a gente ? detalhes nesse link.

 

COMPARTILHAR

POSTS RELACIONADOS

18 designers participam da exposição
Collect Brazilian Jewelry desembarca em Paris

Aquela que deixou de ser coadjuvante para ser a protagonista de sua própria história. Esta é a mulher que inspira a próxima edição da Collect Brazilian Jewelry, exposição de joias autorais contemporâneas, que acontecerá de 18 a 20 de outubro (sexta-feira à domingo) no Carrousel du Louvre, em Paris. Com curadoria da designer Dorine Botana,…

LER MAIS
Jornadas Europeias do Patrimônio 2019 (Les Journées Europèennes du Patrimoine)

Todo ano a Europa reserva dois dias do mês de setembro para celebrar seu inestimável patrimônio, abrindo as portas de lugares, fechados normalmente ao público e abertos de forma excepcional durante um final de semana. Neste ano de 2019, as Jornadas Europeias do Patrimônio acontecem dias 21 e 22 de setembro, oferecendo a oportunidade para…

LER MAIS
Van Gogh no Atelier des Lumières
Atelier des Lumières celebra Van Gogh

O Atelier des Lumières, primeiro museu de arte digital de Paris, comemora seu segundo ano de instalação com a tão esperada exposição imersiva de obras de Van Gogh. Aliar arte à tecnologia proporciona uma redescoberta inovadora de grandes nomes da história da arte e permite reunir num lugar único obras-primas dispersadas em vários lugares do…

LER MAIS
Museu das Artes Decorativas de Paris: vitrine do design

O Museu das Artes Decorativas de Paris fica no mesmo prédio do Louvre, no 107 rue de Rivoli. O MAD, como é conhecido entre os franceses, é mais conhecido do público estrangeiro por suas exposições temporárias de grande expressão, como foi a exposição Dior, recorde de público em 2017. Aos interessados por criação e design,…

LER MAIS

COMENTÁRIOS

instagram | @beminparis

Please enter an Access Token on the Instagram Feed plugin Settings page.