Gobelins : o assento como objeto de poder social


O Mobilier national é uma instituição ligada ao ministério da Cultura e da Comunicação da França. Herdeiro do antigo Guarda-Mόveis da Coroa, foi criado em 1604 por Henrique IV e reorganizado por Luίs XIV, em 1663. Ele conserva uma coleção excepcional, de movéis e tapeçarias, adquiridos ou encomendados, no passado, para decorar residências reais e imperiais, e hoje, para mobiliar e decorar os palácios oficiais da República.

O Mobiliário nacional apresenta na Galeria des Gobelins, na exposição « Sièges en Société, du Roi-Soleil à Marianne »,  uma parte de sua rica coleção de assentos (bancos, poltronas..) herdados do Guarda-Mόveis da Coroa. O assento é abordado enquanto objeto de representação social do poder e em seus aspectos técnicos. O assento deve traduzir o resultado do diálogo entre artesãos e comanditários (compradores). Desde o final do século XVII, considerado « século das artes », o assentos produzidos na França, em especial, as criações parisienses são reconhecidos pelo refinamento e elegância de suas formas.

A exposição, que vai até o dia 27 de setembro de 2017, faz um paralelo entre peças contemporâneas e peças do século XVII, propondo ao visitante um jogo visual estético e histόrico dessa produção.

Gobelins sofa

Os diferentes ofίcios envolvidos na produção do assento

A arte do carpinteiro

O carpinteiro fornece o modelo do assento maçiço, desprovido de estofamentos e forros. Ele imagina as linhas e as formas gerais que vão definir uma dada tipologia. Alguns chassis apresentados, de cadeiras, poltronas e sofás, dão ao visitante uma real ideia de todas as qualidade do trabalho do artesão.

carpinteiro Gobelins

Carpinteiros Galeria Gobelins

A arte do escultor e do pintor-dourador-envernizador :

Desde o século XVII, carpinteiros e marceneiros introduzem elementos de madeira esculpida em suas produções. Desde então, a escultura vai invadir o assento e destacar suas formas segundo um registro arquitetural. Vem em seguida, o trabalho de acabamento, cujo papel vai ser o de dar vida às esculturas ou dourá-las com folha de ouro. A qualidade é determinada pela harmonia entre os jogos de policromia (arte de pintar ou decorar com várias cores) e de contrastes entre o opaco e o brilhante, que dão aos assentos a aparência de reais objetos de ourivesaria.

ourivesaria

cadeiras de madeira

Ornamentos e ornamentistas

O ornamentista (comparado ao decorador) é o contato direto com o comanditário e tem para a si, a respondabilidade de materializar os conceitos extraίdos do diálogo com aquele que encomenda a peça. Para os historiadores de arte, o ornamentista é um personagem-chave na compreensão da evolução dos estilos. Os ornamentistas modificam os cόdigos decorativos, as formas e as tipologias do assento.

O tapeçeiro

Indispensável sob o reinado de Luίs XIV, que dá grande importância à produção têxtil, sίmbolo de riqueza e de poder e vetor de mensagens de influência. Alguns séculos mais tarde, Honoré de Balzac confirma o papel imprescindίvel do tapeçeiro na confecção de assentos e considera essa profissão também equivalente a de decorador.

Tapeçaria Gobelins

Globo terrestre no Gobelins

Biombos tapeçaria Gobelins

O papel do assento na sociedade

Uma figura histórica maior não senta em qualquer assento, não é mesmo ? tambouretes, bancos, poltronas, tronos …o assento tem seu uso definido e hierarquizado. Esta adequação entre tipologia e distribuição nos interiores é estabelecida no século XVIII e é usada até os dias de hoje. O assento não foi elevado imediatamente ao status de obra de coleção, porém, participa da representação social. O século XVIII vai diversificar suas referências e se interessar por formas vindas de outras parte do mundo, ou do passado. Nesse sentido, Luίs XIV é tido como referência maior do estilo do Grande Século e, da grandeza nacional.

Poltrona real

Poltrona estilo império

O famoso decorador francês Jacques Garcia é o responsável pela cenografia da exposição, que oferece uma retrospectiva de três séculos de criação, através de 260 assentos, com modelos que vão dos mais clássicos aos mais contemporâneos.

A Galeria des Gobelins abre unicamente para exposições temporárias, com temas muito peculiares, como esse. Não perco nenhuma e estou sempre mostrando no Stories @beminparis.

Para aficionados por design, arquitetos, designers de interiores, decoradores ou simplesmente curiosos e apreciadores desse universo, essa exposição é simplesmente imperdίvel.

Sièges en Société – Até dia 27 de setembro de 2017

Manufacture des Gobelins – 42, avenue des Gobelins – 75013 Paris

Metrô : linha 7 Estação : Les Gobelins

Aberta todos os dias, exceto às 2as-feiras (também fechado em 1° de maio, 25 de dezembro e 1° de janeiro)

Tem mais …

Reveja a exposição sobre Jean Lurçat, mestre da Tapeçaria moderna. Nesse link

COMPARTILHAR

COMENTÁRIOS

instagram | @beminparis